Ligue-se a nós

Distrito Federal

DF manterá faixa etária de vacinação contra dengue. Veja público-alvo

Publicado

no

Ministério da Saúde ampliou público-alvo em estados e municípios com doses prestes a vencer. No DF, porém, imunizantes só expiram em 2025

Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) informou neste domingo (23/6) que não haverá mudança na estratégia adotada pela pasta com relação ao público-alvo da vacinação contra a dengue na capital da República.

“As doses de vacinas contra a dengue disponíveis na rede não vencem em julho. Nossas doses vencem em 2025”, confirmou a pasta em nota.

A campanha de vacinação contra a dengue no DF segue a orientação do Ministério da Saúde para todas as crianças e adolescentes de 10 anos completos a 14 anos de idade. São duas doses, com intervalo de 90 dias entre elas.

Ampliação

Ministério da Saúde, em nota técnica publicada na sexta-feira (21/6), recomendou que as unidades da Federação que tenham doses de vacina contra a dengue prestes a vencer ampliem faixa etária do público-alvo.

Anúncio

Atualmente, a campanha é voltada para pessoas de 10 a 14 anos de idade. Porém, se as doses estiverem com vencimento datada para 30 de junho ou 31 de julho, a recomendação é que os municípios apliquem em pessoas além do público-alvo.

Segundo a recomendação, os estados que tenham municípios que ainda não foram contemplados com a vacina da dengue devem realizar o remanejamento dessas doses com vencimento próximo para esses territórios.

Caso todos os municípios estejam contemplados, as doses poderão ser aplicadas em pessoas da faixa etária de 6 a 16 anos de idade.

Se os dois procedimentos anteriores não forem suficientes para aplicação das vacinas prestes a vencer, o público-alvo poderá ser ampliado até o limite etário especificado na bula da vacina dengue — que compreende dos 4 aos 59 anos.

Na nota técnica, a pasta federal reforçou que “é uma estratégia temporária e excepcional, aplicada apenas para as vacinas que possuem prazo de validade até 30 de junho e 31 de julho de 2024”.

Anúncio

Essa medida já havia sido adotada pelo ministério em abril, quando havia doses próximas ao vencimento ainda estocadas nas redes de frio do país.

Siga nossas redes sociais: Facebook Instagram.


Fato Novo com informações e imagens: Metrópoles

Anúncio

Distrito Federal

Novos beneficiários do DF Social têm até o dia 25 para abrir conta no BRB

Publicado

no

Por

Para serem contempladas com o auxílio de R$ 150 já no próximo pagamento, 4.319 famílias precisam fazer o procedimento pelo aplicativo BRB Mobile

A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) convoca 4.319 novas famílias beneficiárias do programa DF Social para abrirem a conta no Banco de Brasília (BRB) e terem acesso ao auxílio mensal de R$ 150. Para garantir o recebimento do próximo pagamento, é necessário que o cidadão tenha a conta social (não se trata de uma conta bancária comum) aberta até as 18h do dia 25 deste mês. Aqueles que não fizerem o procedimento no prazo estabelecido terão que aguardar nova rodada de contemplação.


“O DF Social é um complemento importante de renda para famílias que estão em situação de extrema vulnerabilidade. Se você atende aos critérios, faça a consulta para saber se está entre os contemplados. É importante também ficar atento ao prazo de abertura da conta para garantir o benefício”, afirma Ana Paula Marra, secretária de Desenvolvimento Social


‌A abertura da conta social deve ser realizada pelo aplicativo BRB Mobile. Basta seguir o passo a passo neste link.

Para saber se foi contemplado, o cidadão deve fazer a consulta no site GDF Social e confirmar se está entre os beneficiários. No portal, em “Consulta DF Social”, é necessário informar CPF e data de nascimento do responsável financeiro, conforme declarado no Cadastro Único. Após esse procedimento, aparece mensagem na tela informando se a pessoa está ou não na lista de contemplados.


“O DF Social é um complemento importante de renda para famílias que estão em situação de extrema vulnerabilidade. Se você atende aos critérios, faça a consulta para saber se está entre os contemplados. É importante também ficar atento ao prazo de abertura da conta para garantir o benefício”, ressalta a secretária de Desenvolvimento Social, Ana Paula Marra.

Anúncio

Anúncio
Continuar Lendo

Distrito Federal

Período de indicação de créditos do Nota Legal é antecipado para dezembro

Publicado

no

Por

Mudança foi divulgada no ‘Diário Oficial do DF’ desta segunda-feira (15)

O período de indicação de créditos do programa Nota Legal mudou de data. Nos anos anteriores, os contribuintes faziam a indicação de créditos para desconto no IPTU e IPVA no mês de janeiro;  este ano, o prazo é de 1º a 20 de dezembro, conforme a portaria nº 507, publicada no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta segunda-feira (15).

A mudança de data foi necessária para que os boletos dos anos seguintes já sejam enviados com o valor atualizado, contendo o desconto do valor indicado pelo contribuinte. Os créditos referentes à aquisição feita nos meses de outubro, novembro e dezembro somente poderão ser utilizados para abatimento do IPTU e IPVA no período de indicação do ano subsequente.

Anúncio
Continuar Lendo

Distrito Federal

Mais de 1,8 mil candidatos do Morar Bem são convocados para apresentação de documentos

Publicado

no

Por

Após o envio da documentação, os candidatos devem aguardar a análise da Codhab

Nesta segunda-feira (15), a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab-DF) convoca 1.891 candidatos para enviar a documentação necessária de habilitação no programa Morar Bem.

A lista de documentos exigidos pode ser acessada no site da companhia. O envio deve ser realizado pelo aplicativo de celular Codhab Cidadão.

Após o envio da documentação, os candidatos devem aguardar a análise, que não possui prazo determinado. Confira aqui a lista dos convocados.


Fato Novo com informações da Codhab

Anúncio

 

Continuar Lendo

Mais vistas